Realmente se conhece? Sabe aonde quer chegar?



A psicoterapia é uma inestimável porta para lidar com as dificuldades inerentes à nossa existência. Todos nós em algum momento nos deparamos com entraves em nossos relacionamentos interpessoais, e nos esbarramos em momentos com as mais variadas angústias. Entretanto a psicoterapia ainda sofre o estigma associado à loucura. Todavia, ela também tem cunho preventivo, qualquer indivíduo pode usufruir dela, pois o sofrimento humano além de estar sujeito a assumir múltiplas formas, influenciam nosso dia a dia em vários aspectos.

Psicoterapia de Orientação Analítica

A Psicoterapia Psicanalítica tem o intuito de ajudar o cliente falar de si, e a desenvolver a auto escuta, tendo assim, a possibilidade de contatar seu mundo inconsciente. No decorrer do processo, o cliente entra em contato com conteúdos que escapolem à compreensão, passando desapercebidos em um cotidiano tão agitado. Contudo, a tríade tão importante na Psicologia, pensar/ sentir/ agir são influenciadas por esses conteúdos. E é justamente por isso que por muitas vezes a nossa visão fica embaçada e não nos permite compreender comportamentos e pensamentos. Mas por que será que tantas coisas insistem em não dar certo em nossas vidas? Como por exemplo problemas nos relacionamentos com o outro, no trabalho, com nossa saúde etc.

O profissional de Psicologia entra no cenário como mediador. A psicoterapia não disponibiliza de fórmulas prontas, mas leva o indivíduo a pensar e descobrir os seus caminhos. É necessário que aquele(a) que busque pela psicoterapia de base analítica, tenha interesse pelo autoconhecimento e pela busca de si mesmo diante das suas angústias indizíveis. E não há nada tão libertador quanto a oportunidade do nosso auto compreensão.

Já te ocorreu no bem que pode fazer a si mesmo, olhando para si, buscando ajuda nas dificuldades, saber se relacionar consigo e com outro, dentre várias outras possibilidades?

Experimente olhar para si mesmo com amor.
Cuide-se, faça psicoterapia!